Papa sobre a confissão: receber amor divino, passando da miséria à misericórdia

Quando vou me confessar é para me curar, para curar a minha alma.

Para sair com mais saúde espiritual. Para passar da miséria à misericórdia.

E o centro da confissão não são os pecados que dizemos, mas o amor divino que recebemos e que sempre precisamos.

O centro da confissão é Jesus que nos espera, nos escuta e nos perdoa.

Lembrem-se disto: no coração de Deus, nós estamos antes dos nossos erros.

Rezemos para que vivamos o sacramento da reconciliação com uma profundidade renovada, para saborear o perdão e a infinita misericórdia de Deus. E rezemos para que Deus dê à sua Igreja padres misericordiosos e não torturadores.

(Papa Francisco – Março/2021)

Por Vatican News

Comentários

*O Católico Digital não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.