Espiritualidade

Como se colocar na presença de Deus, segundo São Francisco de Sales

Aleteia › 11/06/2018

Antes de começar a rezar, siga as sugestões oferecidas por um dos maiores escritores espirituais do século XVII

São Francisco de Sales foi um grande escritor espiritual do século XVII. Ele escreveu um livro muito prático sobre a vida espiritual, chamado Filoteia ou Introdução à Vida Devota. Em vez de se dirigir a monges e freiras, escreveu para leigos comuns e procurou ajudá-los em sua espiritualidade cotidiana. Muita gente recorre a essa obra para se orientar nos momentos de dificuldade.

Abaixo, apresentamos algumas dicas úteis deste livro inspirador, no qual São Francisco de Sales detalha como devemos nos colocar na presença de Deus. Confira:

Primeiro, uma percepção viva e sincera de que Sua Presença é universal; isto é, Ele está em toda parte, e em tudo; não há lugar nem nada no mundo desprovido de Sua Santíssima Presença, de modo que, assim como os pássaros com suas asas encontram o ar continuamente, nós podemos ir aonde quisermos para encontrar com essa Presença sempre e em todo lugar.

A segunda maneira de se colocar nesta Presença Sagrada é lembrar que Deus não está presente apenas no lugar onde você está, mas que Ele está especialmente presente em seu coração e na sua mente, que Ele acende e inspira com Sua Santa Presença, permanecendo ali como Coração do seu coração, Espírito do seu espírito.

A terceira maneira é enfatizar o pensamento de nosso Senhor, que (…) olha para todos os homens, mas mais particularmente para todos os cristãos, porque eles são Seus filhos (…). Isso não é mera imaginação, é verdade e, embora não o vejamos, Ele está olhando para nós.

O quarto modo é simplesmente exercitar sua imaginação comum, imaginando o Salvador,em Sua Humanidade Sagrada, ao seu lado, assim como estamos acostumados a pensar em nossos amigos e os vemos e ouvimos ao nosso lado.

Faça uso de um ou outro desses métodos para se colocar na Presença de Deus antes de começar a orar. Não tente usá-los todos de uma vez, mas tome um de cada vez, e isso de forma breve e simples.

Por Aleteia

Comentários

*O Católico Digital não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Newsletter

Cadastre-se e receba as últimas notícias do Católico Digital diretamente em seu e-mail!