Virtudes e Valores

10 propósitos que te ajudarão a viver melhor o Tempo Pascal

ACI Digital › 22/04/2019

Para viver mais intensamente os 50 dias do Tempo Pascal, o site ‘Catholic Link’ apresentou uma lista de dez propósitos elaborados pelo autor católico argentino Andrew D’Angelo.

O site também recordou que é comum fazer resoluções para o Ano Novo ou para a Quaresma, mas “raramente fazemos propósitos de Páscoa. Por que fazer propósitos na Páscoa? Porque estamos felizes porque o Senhor realmente ressuscitou como nos havia prometido! E a Páscoa é mais do que o Ano Novo. Jesus nos fez homens novos. Como não nos propor a anunciar ao mundo a alegria de que a morte não tem a última palavra? Essa é a boa notícia! Nós ressuscitaremos com Ele!”.

A seguir, a lista de “dez coisas bonitas que podemos fazer” na Páscoa:

1. Aprendamos a aceitar-nos. Deus não comete erros.

Valorizemos as virtudes que o Senhor nos deu, mas também admitamos os defeitos que temos e façamos “o possível para superá-los, conscientes de que só Deus pode ajudar a superá-los para chegar a ser a minha melhor versão”.

2. Antes de criticar ou corrigir, escutemos o próximo com caridade.

Andrés D’Angelo assinalou que “muitas vezes nos deixamos levar por ‘disse me disse’ que ferem o nosso próximo. Se soubermos de alguém que está angustiado ou passando por um momento difícil, sejamos o ouvido atento e o coração compreensivo de que necessitam”.

3. Sejamos compassivos! Antes de criticar os erros dos outros, corrijamos os nossos.

Deixemos prestar atenção nos erros dos outros e nos perguntemos “em que podemos crescer”, por exemplo, “na paciência com os erros dos outros”.

4. Cuidemos do nosso corpo. Comecemos a praticar alguma atividade física.

“Cristo ressuscitou no Corpo e na Alma!”. Portanto, também devemos cuidar do nosso corpo para que possa entregar tudo o que puder no serviço aos outros. “Começar neste tempo uma atividade física que me leve a cuidar do meu corpo que é um dom de Deus”, destacou D’Angelo.

5. Verdadeiramente ressuscitou! Ressuscitemos uma amizade esquecida.

“Há muito tempo não sabemos como está um amigo? A vida nos separou dele e não sabemos onde ele está? Aproveitemos a Páscoa para ligar para ele e encontrá-lo durante a semana! Ressuscitemos a velha amizade!”, sugeriu o autor da lista.

6. Ele morreu por nós! Comprometamo-nos em um apostolado pelos demais.

Ofereçamos a nossa ajuda àqueles que necessitam, talvez a uma pessoa abandonada. D’Angelo sugeriu ir “às praças e procurar pessoas que passam a Páscoa sozinhos e levar-lhes comida ou um presente”.

7. Perdoemos de verdade! Reconciliemo-nos com alguém que nos magoou.

“A Páscoa é uma bela oportunidade para deixar para trás as feridas do passado”. Por isso, esta resolução nos convida a procurar uma pessoa que nos magoou e que nos custa perdoar de coração.

8. Coloquemos os nossos talentos ao serviço dos outros.

Alguma vez já se perguntou quais talentos ocultos você tem? Esta é a oportunidade de descobri-los e começar “neste tempo pascal a entregar-nos aos outros. Nosso Senhor ressuscitado multiplicará os nossos talentos para ajudar”.

9. Celebremos a vida! Toda vida, tanto a que começa quanto a que está chegando ao fim.

“Conhecemos alguém que está hospitalizado? Vamos visitá-lo!”. “Alegremos com a nossa presença as pessoas que estão afligidas pela doença. E celebremos a vida dos recém-nascidos”, assinalou.

10. Questionemos a vocação.

Este propósito incentiva a fazer um retiro vocacional para saber “o que Deus espera de mim”. “O plano de Deus é perfeito e quer a minha felicidade. Por que não me ofereço para realizar os sonhos de Deus na minha vida?”, indicou D’Angelo.

Por ACI Digital

Comentários

*O Católico Digital não se responsabiliza pelos comentários postados nas plataformas digitais. Qualquer comentário considerado ofensivo ou que falte com respeito a outras pessoas poderá ser retirado do ar sem prévio aviso.

Newsletter

Cadastre-se e receba as últimas notícias do Católico Digital diretamente em seu e-mail!